Restaurante Artigiano – Ipanema

Fachada do restaurante Artigiano, em Ipanema.

Fachada do restaurante Artigiano, em Ipanema.

Aproveitei um fim de tarde de domingo, naqueles dias em que se almoça quase jantando, e fui ao Jardim de Alah, na divisória dos bairros de Ipanema e Leblon, para visitar o restaurante Artigiano e saborear a culinária italiana muito famosa do local.

Ambiente do salão inferior do restaurante Artigiano, em Ipanema.

Ambiente do salão inferior do restaurante Artigiano, em Ipanema.

O restaurante Artigiano em Ipanema é da mesma família do Fiorino, na Tijuca, que foi resenhado recentemente aqui. Aliás, me arriscaria a dizer que o cardápio é igualzinho. Inclusive, poderiam ter o mesmo nome, mas por algum motivo que a gente não sabe, não tem. No site de ambos, um texto diz que são restaurantes de cozinha clássica da Emilia Romana e membros da Accademia Gastronomica Italiana, sediada em Bologna. Esta é a cidade natal das massas frescas feitas com farinha e ovos estendidas à mão. Com essa descrição inicial, você já sabe o que esperar, né?

Se o Fiorino é um pouco mais rústico, com algumas referências medievais, o Artigiano já é mais moderno, com fachada de mármore e dois andares mais contemporâneos. Eu, minha mulher e dois casais de amigos ficamos no andar de baixo para fugir da fria tarde de inverno que fazia, apesar do sol. Pude ver que há uma varanda semi-aberta no andar de cima, que me pareceu ser muito agradável, porém recomendável para um dia mais abafado.

Couvert composto por cestinha de pães diversos e pastas - R$ 9,50 (individual).

Couvert composto por cestinha de pães diversos e pastas - R$ 9,50 (individual).

Uma vez aconchegados, abrimos os trabalhos pedindo couvert (R$ 9,50), que é composto por cestinha de pães e pastinhas variadas. É um couvert simples, mas bem gostoso, já que o pão é quentinho e a massa diferenciada. A gente comeu umas três cestas dessas e nem percebeu.

Antes de nos distrairmos e pedirmos a quarta cesta de pães, nos atentamos ao cardápio e demoramos uns dez minutos para conseguir escolher quais pratos experimentaríamos. Fato semelhante aconteceu quando estive no Fiorino, já que são muitas opções de massa e quase todas muito boas. A gente fica em dúvida.

Eu gostei tanto da massa que a minha cunhada pediu no Fiorino, que a repeti aqui. Foi o Gnocchetti di Zucca al Gorgonzola: nhoques de abóbora ao molho de gorgonzola (R$ 26,40). Vou economizar algumas linhas de texto para falar dela, pois já o fiz no post do Fiorino. Você pode vê-lo aqui. Mas se eu resolvi pedir é porque eu gostei muito e recomendo!

Minha mulher também não inovou e pediu o mesmo prato que havia pedido no restaurante-irmão do Artigiano. Ela foi de Gamberetti con Fonduta di Formaggi in Cartocci: massa recheada de camarão com queijo cremoso gratinada ao forno (R$ 32,50). Economizei linhas e fotos porque é repeteco também. Leia aqui.

Sendo assim, os pratos que estão abaixo foram degustados pelos dois casais de amigos que, inegavelmente, tiveram que passar pelo constrangimento de me dar uma prova para que eu pudesse falar alguma coisa dos pratos aqui.

O primeiro casal pediu pratos exclusivamente de massas. Ambos com cogumelos! Ela foi de Raviolini recheado de queijo cremoso ao molho de cogumelos porcini, vinho branco e creme de leite (R$ 28,70). Ele optou pelo Tagliatelle ai Funghi Porcini e Shiitake – tagliatelle com massa de funghi ao molho cremoso de cogumelos porcini e shiitake (R$ 27,90).

Raviolini recheado de queijo cremoso ao molho de cogumelos porcini, vinho branco e creme de leite - R$ 28,70.

Raviolini recheado de queijo cremoso ao molho de cogumelos porcini, vinho branco e creme de leite - R$ 28,70.

Tagliatelle ai Funghi Porcini e Shiitake - tagliatelle com massa de funghi ao molho cremoso de cogumelos porcini e shiitake - R$ 27,90.

Tagliatelle ai Funghi Porcini e Shiitake - tagliatelle com massa de funghi ao molho cremoso de cogumelos porcini e shiitake - R$ 27,90.

O segundo casal de amigos investiu em pratos de massa, mas que vinham acompanhados de carne. Ela pediu o Filettini ai Quattro Formaggi – pequenos files ao molho quatro queijos, guarnecidos com tagliolini (R$ 40,90). E ele foi de Medaglioni alle Olive Nere – medalhões de filé mignon ao molho de azeitonas pretas, guarnecidas com tagliolini ao orégano fresco (R$ 43,50).

Filettini ai Quattro Formaggi - pequenos files ao molho quatro queijos, guarnecidos com tagliolini - R$ 40,90.

Filettini ai Quattro Formaggi - pequenos files ao molho quatro queijos, guarnecidos com tagliolini - R$ 40,90.

Medaglioni alle Olive Nere – medalhões de filé mignon ao molho de azeitonas pretas, guarnecidas com tagliolini ao orégano fresco – R$ 43,50.

Medaglioni alle Olive Nere – medalhões de filé mignon ao molho de azeitonas pretas, guarnecidas com tagliolini ao orégano fresco – R$ 43,50.

Seria leviano julgar os pratos tendo experimentado apenas uma garfada de cada um. Mas não tem como não chamar a atenção para a garantia de uma massa de qualidade, sempre temperada ao ponto com os ingredientes que compõem o prato.

Pedi para eles se manifestarem a respeito, para que eu pudesse reproduzir alguma percepção diferenciada deles aqui, e todos ficaram muito satisfeitos com suas massas. O único “senão” foi de uma das mulheres do casal que reclamou que vinha muito e deixou sobrar meio porção no prato. Vamos combinar que vir muito, nem de longe é uma crítica, tá certo?

Poderíamos muito bem nos retirar do recinto satisfeitos com a experiência gastronômica que obtivemos até ali. Mas a existência desse blog exige o sacrifício da sobremesa. E eu particularmente não gosto de fazer resenha incompleta. Só quando o restaurante não oferece boas opções. Não era o caso aqui. Veja só!

Como ninguém mais daria conta de uma sobremesa inteira para si, resolvemos pedir duas e fizemos um doce swing dividindo-as entre os três casais. Uma delas foi mais leve e um pouco tropical: Semifreddo di Arancia e Pompelmo alle Mandorle – sorvete cremoso de laranja e grapefruit com calda de mel e amêndoas (R$ 15,50). A outra assumiu a responsabilidade de ser doce. E um clássico italiano: Tiramisú tradizionale profumato al Caffé – mascarpone, palitos franceses ao café e cacau (R$ 16,90). O Tiramisú estava gostoso, mas o sorvete de laranja foi mais instigante.

Semifreddo di Arancia e Pompelmo alle Mandorle - sorvete cremoso de laranja e grapefruit com calda de mel e amêndoas - R$ 15,50.

Semifreddo di Arancia e Pompelmo alle Mandorle - sorvete cremoso de laranja e grapefruit com calda de mel e amêndoas - R$ 15,50.

Tiramisù tradizionale profumato al Caffé - mascarpone, palitos franceses ao café e cacau - R$ 16,90.

Tiramisù tradizionale profumato al Caffé - mascarpone, palitos franceses ao café e cacau - R$ 16,90.

Um amigo viciado em café não deixou escapar a oportunidade de encerra com chave de ouro. Os biscoitinhos amanteigados que o acompanham ele compartilhou com a galera. E o bom de ir com mais gente no restaurante é que eu consigo trazer uma variedade maior de pratos pra cá. Curtiu?

Cafezinho para finalizar a sequencia, acompanhado de biscoitos amanteigados.

Cafezinho para finalizar a sequencia, acompanhado de biscoitos amanteigados.



RESUMO DO JANTAR

O ambiente é agradável e o atendimento é feito por garçons no estilo clássico. Homens, de mais idade, terno branco e gravata borboleta preta. A variedade do cardápio é imensa e chega a ser difícil escolher um prato, tamanha a quantidade de boas opções disponíveis. Se eu tivesse que recomendar, falaria para você investir num prato exclusivo de massa. Não que as carnes que acompanham as massas sejam ruins, mas é que o lugar diz tratar a massa com tanto carinho que eu acho que vale à pena dedicar a atenção exclusivamente a ela. O preço é justo pela qualidade das massas, mas é meio salgado se formos avaliar de uma forma geral. A crítica que não pode faltar é a mesma do Fiorino: não aceita cartões de débito nem crédito. Pagamento em cheque ou em dinheiro em espécie. Complicado essa decisão deles. Gostaria de saber qual o motivo de se manterem tradicionais. Na Itália não se aceita cartão?


Gosta do Artigiano? Ou prefere o Fiorino? Sabe por que eles não aceitam cartões? COMENTE ESSE POST e compartilhe sua experiência ou conte-nos sobre algum prato que você ache imperdível!


Restaurante Artigiano

Av. Epitácio Pessoa, 204 – Jardim de Alah
Ipanema – Rio de Janeiro – RJ
Tel: (21) 2512-6107 | 2512-3099
http://www.restauranteartigiano.com.br


Exibir mapa ampliado

Tags: , , , , , ,

13 Responses to “Restaurante Artigiano – Ipanema”

  1. Maria Marta
    August 7, 2011 at 3:59 am #

    Olá, Léo!

    Trabalho em um guia da internet e estamos interessados em patrocinar seu blog.
    Favor entrar em contato no e-mail maria.marta@kekanto.com

    Atenciosamente,

    Maria Marta

  2. August 8, 2011 at 1:21 am #

    Olá, Marta!

    Entrarei em contato com vocês. Já estou conversando com o Fernando.

    Obrigado pelo interesse.

    grande abraço,
    Leonardo Spinardi

  3. Marcelo
    August 8, 2011 at 3:07 pm #

    Meu caro, agora falta somente experimentar o Pomodorino (na Lagoa) e o Anna (ao lado do Artigiano). São todos da mesma linhagem (e propriedade, creio eu).

  4. August 8, 2011 at 4:13 pm #

    Opa! Obrigado pelas dicas, Marcelo! O Pomodorino é famoso. Já conhecia de nome. Já o Anna, nunca tinha ouvido falar. Obrigado pela dica e colaboração.

    grande abraço,
    Leonardo Spinardi

  5. May 19, 2012 at 11:55 am #

    Olá! Adorei o blogue! Inteligente, útil, bonito e muito bem escrito! Sem contar que o tema me interessa! Virarei seguidor, com certeza! Abraços!

  6. Wilton
    September 24, 2012 at 10:32 am #

    Olá
    Pedi o Gnocchetti di Zucca al Gorgonzola e estava excessivamente salgado o molho. Uma pena, pois a massa estava muito boa.

  7. September 24, 2012 at 12:47 pm #

    Uma pena mesmo, Wilton. Vacilaram na hora d etirar o 10, né? se tiver oportunidade, dê outra chance ao restaurante. Pode ter sido apenas um dia infeliz. Já experimentou outros pratos no local?

    Obrigado pelo comentário e por compartilhar sua opinião.

    grande abraço,
    Leonardo Spinardi

  8. March 13, 2013 at 4:00 pm #

    Vou colar abaixo um resumo da minha experiência no Artigiano. O mesmo email já foi enviado para o programa furado do jornal o globo:

    última sexta feira (01/03) minha namorada e eu fomos ao Artigiano Ristorante em Ipanema com a intenção de celebrar nosso aniversário de namoro, porém nosso intento foi frustrado pelo tratamento selvagem que recebemos de um dos garçons da casa.
    Ao adentramos na casa, fomos secamente recebidos pelo maître que respondeu de cara fechada e sem nos acompanhar “podem sentar naquela mesa lá” à nossa solicitação de uma mesa para dois. Seguimos seu comando, mas a tal mesa era impraticável: havia um grupo de seis mulheres “conversando” aos berros. Ao solicitarmos ao garçom que nos realocasse em outra mesa, fomos surpreendidos com uma enorme grosseria de sua parte, nos informando que não seria possível (apesar de uma grande quantidade de mesas vazias), que teríamos que sair(!!!) e aguardar numa fila de espera fora do restaurante, pois nas palavras dele “ não poderíamos ficar ali ocupando a mesa”. Quando eu tentei argumentar que poderíamos começar a pedir algo ali, mas que eu gostaria de ser informado quando fosse possível mudar de mesa, ele simplesmente se virou e saiu andando antes que eu terminasse de falar! Calmamente, esperei por sua atenção em outro momento, e novamente tentei uma argumentação, tendo o mesmo resultado: Ele falou de forma indelicada e sem paciência que não poderia fazer nada e saiu andando enquanto eu estava falando.
    Mas a cereja do bolo ainda estava por vir: Após esse tratamento decidimos que ali não era o lugar ideal para comemorarmos e nos dirigimos à saída sem pedir nada. Porém, como o referido garçom estava por perto, resolvi deixa-lo saber do motivo de nossa partida e lhe disse que dá próxima vez que uma pessoa lhe dirigir a palavra enquanto ele estivesse trabalhando, ele deveria escutar essa pessoa até o final. Foi ai que começou o show: ele se descontrolou e começou a gritar para eu não encostar nele ( fato que não o fiz), e me xingou inúmeras vezes de mal educado, aos berros, enquanto eu e minha namorada finalmente deixávamos o restaurante , sob o olhar complacente do maître( que nada fez), dos demais garçons e de outros clientes. Nunca imaginaríamos que ao tentar comemorar nosso aniversário em um lugar como esse, seríamos expulsos e xingados por um garçom sem a menor aptidão para lidar com pessoas.

  9. March 13, 2013 at 6:04 pm #

    Oi, Wilson!

    É realmente lamentável. Não só o comportamento do garçom, mas a conivência da equipe e do seu superior.

    Como reagiram os outros clientes? O mal atendimento foi nítido para as outras pessoas que estavam comendo?

    Como a gente é pego de surpresa em situações assim, uma vez que nunca imaginamos, nem nos atentamos em pegar o nome do garçom ou tentar registrar a cena no celular, né?

    O espaço está aberto. Fica aí o seu registro. Obrigado por compartilhar.

    um abraço,
    Leonardo Spinardi

  10. josé israel
    September 5, 2014 at 5:58 pm #

    Boa tarde eu estou entrando em contato com vocês porque eu avia ligado para saber se a vaga de ajudante de cozinha estava preenchido pois eu tenho muito interesse em trabalhar ai
    com vocês porque preciso muito aumentar a minha renda e o salário que vocês estavam oferecendo é muito boa. Espero que vocês entre em contato comigo para que eu fique ciente que eu possa ou não trabalhar no seu restaurante muito obrigado e um abraço.

  11. September 5, 2014 at 7:52 pm #

    Oi, José!

    Este não é o site do restaurante Artigiano. Este é um site que reúne resenhas de diversos restaurantes do Rio de Janeiro. Entre eles, está o Artigiano. Para entrar em contato com o restaurante, sugiro o site deles: http://www.restauranteartigiano.com.br/

    abraço,
    Leonardo Spinardi

  12. Jackson
    March 11, 2016 at 11:14 pm #

    Eu tava interessado em saber se está tendo vaga

  13. March 14, 2016 at 12:27 pm #

    Jackson,

    este não é o site do restaurante. Trata-se de um site que faz resenhas informais de restaurantes do Rio e, portanto, não dispomos dessa informação para você. tente o telefone do restaurante ou o site http://www.restauranteartigiano.com.br/.

    abs,
    Leonardo Spinardi

Leave a Reply