Restaurante Stuzzi Bar – Leblon

Facahda do bar e restaurante Stuzzi, no Leblon.

Facahda do bar e restaurante Stuzzi, no Leblon.

Na onda dos petiscos e pequenas porções, descobri mais um restaurante no Rio de Janeiro que investe no conceito de pratos pequenos e cardápio repleto de drinks. Depois das tapas espanholas, fui conhecer o stuzzichini italiano no Stuzzi Bar, no Leblon, graças ao < ahref="http://br.kekanto.com/evento/10-segundo-evento-kekanto-elite-no-rj-stuzzi" target="_blank"/>evento Kekanto Elite, do site de resenhas Kekanto.

Galera reunida - Blogueiros e usuários do site Kekanto no Stuzzi Bar, no Leblon.

Galera reunida - Blogueiros e usuários do site Kekanto no Stuzzi Bar, no Leblon.

O Kekanto reuniu blogueiros que escrevem sobre bares e restaurantes cariocas para uma noite animada, com muita troca de cartões e experiências sobre os diferentes trabalhos existentes.

Fomos recebidos como reis no Stuzzi Bar, cujas especialidades são os stuzzichinis, uma espécie de petiscos italianos que receberam um toque especial da chef Paula Prandini. Acredito que o atendimento já seja bom, mas como estávamos sobre a alcunha de uma comunidade crítica de gastronomia, a preocupação em nos agradar e tratar bem foi maior ainda.

Além dos blogs, muitos presentes participam ativamente da comunidade Kekanto colaborando com resenhas não só de bares e restaurantes, mas também de cinemas, shoppings, turismo etc.

Ambiente bom na varanda do Stuzzi.

Ambiente bom na varanda do Stuzzi.

Salão interno do restaurante STuzzi (Foto: Kekanto).

Salão interno do restaurante STuzzi (Foto: Kekanto).

O ambiente do Stuzzi Bar, no Leblon, é pequeno e aconchegante. Na parte de fora, onde ficamos, mesas de madeira e velas dão o tom ao ar livre. No ambiente interno, garrafas penduradas no teto e iluminação especial reforçam o rústico ditado por madeiras, concreto e metal.

Nessa resenha tento trazer um apanhado de tudo o que foi servido o longo da noite. Por se tratar de um evento, a experiência se diferencia um pouco dos relatos costumeiros. Primeiro porque não paguei nada. Depois porque foram servidas diversas opções que, apesar de eu não ter conseguido provar tudo, trazem um panorama bem mais completo do cardápio do que veríamos numa resenha comum.

Eu e minha mulher chegamos por volta das 20h e fomos recebidos pelo Fernando, do Kekanto. Logo o garçom nos direcionou à mesa e, com a chegada de outros blogueiros, começaram a servir shots dos drinks existentes no cardápio, criação do barman Vitor Barros. As pequenas doses foram boas para, além de me deixar levemente bêbado, por tê-las bebido de estômago vazio, conhecer em detalhe o cardápio de bebidas.

Nesta foto, os seguintes drinks em versão shot: Cosmopolitam, Aperol Spritz e Yamí.

Nesta foto, os seguintes drinks em versão shot: Cosmopolitam, Aperol Spritz e Yamí.

A sequência de drinks foi composta por Cosmopolitan (Absolut Citron, Contreau, cranberry e limão: R$ 19,00), seguido do Stuzzi Spritz (vinho branco, morangos, mix de frutas e licor de mandarino – 1 litro: R$ 39,00), Yamí (Vodka importada, molho de jabuticaba, graviola e limão siciliano: R$ 19,00) e uma que não estava presente no cardápio – talvez a melhor de todas elas – elaborada com limão siciliano, Jack Daniels, pimenta e néctar de maracujá. Muito boa!

Também experimentamos o Blood Mary (Vodka, molho inglês, tabasco, limão e suco de tomate: R$ 19,00) e o Apple Martini (Absolut, maçã verde e sour mix – R$ 19,00) Acho até que outras opções foram servidas, mas confesso que fiquei confuso com tamanha variedade de drinks e petiscos que abri mão de manter o controle total. Sobre os drinks, todos muito bem feitos, vale ressaltar que o preço que eu coloco ao lado de cada um é o preço do cardápio. Portanto, refere-se a uma taça e não aos shots que aparecem nas fotos, ok?

Prato de antipastos - tábua de pães da casa, peperonata, abobrinha e berinjela em conserva, tomate confitado, crostini de patê toscano, spiedini de queijo de cabra e lascas de Grana Padano - R$ 32,80.

Prato de antipastos - tábua de pães da casa, peperonata, abobrinha e berinjela em conserva, tomate confitado, crostini de patê toscano, spiedini de queijo de cabra e lascas de Grana Padano - R$ 32,80.

Entre um shot e outro, começaram a chegar os stuzzichinis. O primeiro deles foi o Prato de antipastos – tábua de pães da casa, peperonata, abobrinha e berinjela em conserva, tomate confitado, crostini de patê toscano, spiedini de queijo de cabra e lascas de Grana Padano (R$ 32,80). Pareceu-me uma boa porção, mas não consegui experimentar de tudo, pois foi prato único para a mesa que tinha cerca de 10 pessoas.

Trio de Arancini - bolinhos de risoto crocante recheado com ragu de carne, camarão com mascarpone e presunto com mozzarela de búfala - R$ 23,50.

Trio de Arancini - bolinhos de risoto crocante recheado com ragu de carne, camarão com mascarpone e presunto com mozzarela de búfala - R$ 23,50.

Quase ao mesmo tempo, chegou à mesa o Trio de Arancini – bolinhos de risoto crocante recheado com ragu de carne, camarão com mascarpone e presunto com mozzarela de búfala – R$ 23,50. Eu dividi o de presunto com mozzarela de búfala e achei-o delicioso. Queria ter experimentado os outros. Fiquei curioso. Como foram só três, teve gente na mesa que nem experimentou. Os casais dividiram.

Mini-porção de Bruschettas com 3 unidades. Uma de feijão branco, atum e cebola roxa (R$ 11,50); outra de ; e a outra de funghi com taleggio (R$ 13,50).

mini-porção de Bruschettas com 3 unidades. Uma de feijão branco, atum e cebola roxa (R$ 11,50); outra de queijo de cabra, figo e mel (R$ 13,50); e a outra de funghi com taleggio (R$ 13,50).

Em seguida, chegou uma mini-porção de Bruschettas com 3 unidades. Uma de feijão branco, atum e cebola roxa (R$ 11,50); outra de queijo de cabra, figo e mel (R$ 13,50); e a outra de funghi com taleggio (R$ 13,50). De novo, acredito que nos foi servido um exemplo de cada uma, de forma que o valor que coloco aqui é referente a uma bruschetta inteira. Só consegui experimentar a de funghi com taleggio, que é um queijo típico italiano. Mais uma opção que achei muito saborosa e fiquei na vontade de descobrir os outros sabores que (vamos combinar) são um bocado exóticos, não?

A Batata trufada com crispies de Parma e ovo frito - R$ 24,50.

A Batata trufada com crispies de Parma e ovo frito - R$ 24,50.

A Batata trufada com crispies de Parma e ovo frito (R$ 24,50) e a Focaccia com burrata, tomate confitado e rúcula (R$ 26,50) foram os dois petiscos seguintes. O primeiro é mais pesado, porém bastante gostoso. O tempero da trufa com as lâminas de parmesão torrado funciona bem em cima da batata. O segundo já é mais comum e pudemos saboreá-lo bem, pois vem em boa quantidade. Curto muito a cremosidade e o sabor da burrata e pude me fartar com as focaccias que a acompanharam.

Trio de risotos de sabores diversos: Risoto de açafrão com camarão e aspargos (R$ 22,50); Risoto de cogumelos mistos trufados (R$ 22,50); e Risoto de ossobuco ao molho de vinho tinto (R$ 23,90)

Trio de risotos de sabores diversos: Risoto de açafrão com camarão e aspargos (R$ 22,50); Risoto de cogumelos mistos trufados (R$ 22,50); e Risoto de ossobuco ao molho de vinho tinto (R$ 23,90)

Antes de encerrar a sequência de petiscos que pintaram pela nossa mesa, experimentamos o trio de risotos de sabores diversos: Risoto de açafrão com camarão e aspargos (R$ 22,50); Risoto de cogumelos mistos trufados (R$ 22,50); e Risoto de ossobuco ao molho de vinho tinto (R$ 23,90). Experimentei o primeiro e o último. O de camarão eu achei fraco, mas o de ossobuco tem um quê especial. O mais gostoso eleito pela mesa eu não consegui experimentar, que foi o de cogumelos trufados. Esvaziaram a bandeja dele rapidinho e eu fiquei na saudade novamente.

Gnocchi dourado com ricota fresca, tomate e rúcula - R$ 22,70.

Gnocchi dourado com ricota fresca, tomate e rúcula - R$ 22,70.

A chave de ouro ficou com o Gnocchi dourado com ricota fresca, tomate e rúcula (R$ 22,70). O gnocchi parece ser levemente selado na panela, ganhando uma cor dourada por fora e também uma leve crocância. O molho de tomate e ricota completa. Criativo.

Um cheiro doce pairou no ar e ao meu lado estava o garçom com a bandeja repleta de sobremesas. A primeira foi o Afogatto gelato de biscoito, café, trufa de chocolate, chantilly e calda de chocolate (R$ 14,00), que vem num misto de drink e sobremesa. Foi complicado dividir na mesa, mas a gente se virou o colocou um pouco do caldinho e chantilly em cada prato. Não é o tipo de sobremesa que me atrai, mas me pareceu um clássico italiano.

Afogatto gelato de biscoito, café, trufa de chocolate, chantilly e calda de chocolate - R$ 14,00.

Afogatto gelato de biscoito, café, trufa de chocolate, chantilly e calda de chocolate - R$ 14,00.

Ao mesmo tempo também pousaram em nossa mesa o Rolinho crocante recheado de Nutella, banana e macadâmia com gelato de baunilha (R$ 15,00) e o Lecca Lecca de palha italiana com pistache, gelato de baunilha e calda de chocolate (R$ 16,00). Este última eu sequer provei. Não posso opinar. Já o rolinho foi a sobremesa que achei mais gostosa, apesar de não ter conseguido saboreá-la como gostaria, pois acabei dividindo um palitinho daqueles com a minha mulher.

Depois de ter bebido, comido e conversado bastante, encerrei a noite satisfeito com a experiência e ansioso para saber se conseguiria reunir tanta informação sobre comida em um único post. O que você me diz? Consegui?

Lecca Lecca de palha italiana com pistache, gelato de baunilha e calda de chocolate - R$ 16,00.

Lecca Lecca de palha italiana com pistache, gelato de baunilha e calda de chocolate - R$ 16,00.

Rolinho crocante recheado de Nutella, banana e macadâmia com gelato de baunilha - R$ 15,00.

Rolinho crocante recheado de Nutella, banana e macadâmia com gelato de baunilha - R$ 15,00.



RESUMO DO JANTAR:

A experiência no Stuzzi Bar foi favorecida pelo intermédio do site Kekanto, que levou blogueiros e usuários do site pra curtir a noite lá. Fomos muito bem atendidos e choveu um sem número de drinks e petiscos na nossa mesa. Entre eles, chamo atenção para o drink que não está no cardápio, mas que é composto por Limão siciliano, Jack Daniels, pimenta e néctar de maracujá. Combinação imperdível. Dos petiscos, os Bolinhos de risoto crocante recheado com ragu de carne, ou camarão com mascarpone ou presunto com mozzarela de búfala – chamados de Arancinis – foram o ponto alto. O ambiente é bem gostoso, tanto na arejada varanda, quanto no rústico e bem decorado salão interno. Uma pena as porções não terem sido fartas para cada mesa, de forma que eu pudesse ter experimentado um pouquinho de tudo. Mas nem sei se aguentaria. Fiquei na saudade de provar melhor algumas opções. Terei que voltar d enovo? Não seria um problema.


Já experimentou os clássicos petiscos italianos no Stuzzi? Dessa vez não deu pra experimentar tudo que foi servido. COMENTE ESSE POST e divida com a gente o que você comeu e bebeu de bom por lá.


Restaurante Stuzzi Bar

Rua Dias Ferreira, 48
Leblon – Rio de Janeiro – RJ
Tel: (21) 2274-4017
http://www.stuzzibar.com.br


Exibir mapa ampliado

Tags: , , , , ,

2 Responses to “Restaurante Stuzzi Bar – Leblon”

  1. Ana Oliveira
    October 1, 2011 at 10:28 pm #

    Concordo em tudo, foi uma pena não conseguir experimentar várias coisas – o risoto de cogumelos eu também passei vontade, só ouvia o povo dizer o quanto estava gostoso! Imagino que o problema não ocorra com degustações em grupos menores – e vamos combinar que para uma quarta-feira nosso grupo compareceu meeeesmo… Mas achei tudo o máximo.

Trackbacks/Pingbacks

  1. RESTAURANTES DO RIO – Experiências de um paladar comum que gosta de comida boa, preço justo e de um bom atendimento. » Blog Archive » Bar e Restaurante DoiZ – Botafogo - January 31, 2012

    [...] ingredientes. Depois do drink de rúcula do Q Bar e do de vinho branco com licor de mandarino do Stuzzi, ambos no Leblon, o que mais me chamou atenção entre os drinks que experimentamos no DoiZ Bar foi [...]

Leave a Reply